Democratas vão às urnas para definir qual esquerda enfrentará Donald Trump

Da BBC Brasil

A partir de segunda-feira, dia 3, os democratas terão pouco mais de 4 meses para tentar decifrar o enigma que, desde 2016, atormenta a cabeça de políticos de esquerda e de centro-esquerda nos EUA: quem é o candidato ideal para vencer Donald Trump?

É a essa pergunta que eleitores do Partido Democrata começarão a responder quando forem às urnas no estado de Iowa para escolher o seu pré-candidato preferido, no primeiro dia de votação do processo de primárias da legenda em 2020.

Em quase 4 anos, desde que Trump derrotou Hillary Clinton e se tornou o novo ocupante da Casa Branca, o Partido Democrata se dividiu entre os que acreditam que o melhor oponente está o mais à esquerda possível no espectro político e os que apostam numa posição mais centrista para bater Trump.

De um lado, estão postulantes antiestablishment, o senador por Vermont e autodenominado socialista Bernie Sanders e a senadora de Massachussets Elizabeth Warren, conhecida por suas posturas anti-Wall Street. De outro, candidatos alinhados com a tradição moderada da legenda, como o ex-vice-presidente Joe Biden, o bilionário e ex-prefeito de Nova York Michael Bloomberg, o veterano do Afeganistão e ex-prefeito no estado de Indiana Pete Buttigieg, e a senadora por Minnesota Amy Klobuchar.

Até meados de 2020, um deles será confirmado como o candidato democrata e terá a missão de tentar levar o partido de volta à Presidência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.